Solicitar uma proposta

    Este site é protegido pelo reCAPTCHA e a
    Política de Privacidade e os
    Termos de Serviço do Google.

    A maneira pratica de adquirir seu Ford 0km

    A maneira pratica de adquirir seu Ford 0km

    Um dos consórcios mais experientes do mercado, com mais de 45 anos, o Consórcio Nacional Ford já entregou mais de 400 mil veículos Ford no Brasil.

    Perguntas Frequentes

    O consórcio se forma com a união de pessoas físicas ou jurídicas, em grupo fechado, com a finalidade de formar poupança para a compra de bens e serviços.

    As parcelas pagas ao grupo destinam-se, mensalmente, para contemplar seus integrantes com o crédito que será utilizado na compra.

    A administradora de consórcios é a empresa especializada na organização e administração de grupos de consórcios. Para atuar no Sistema de Consórcios, a administradora deverá ter, obrigatoriamente, autorização do Banco Central do Brasil.

    Há 51 anos administrando grupos de consórcio de automóveis e caminhões Ford, o Consórcio Nacional Ford é o único totalmente garantido pela montadora Ford Motor Company Brasil.

    O Consórcio Nacional Ford administra, organizando e gerenciando os grupos formados pelos consorciados, de acordo com as determinações e os requisitos exigidos pelo Banco Central do Brasil, garantindo desta forma, a observância de direitos e o cumprimento dos deveres para a participação no consórcio.
    A relação completa das administradoras de consórcio autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil está disponível em nosso site, seguindo: “Sistema Financeiro Nacional>Informações cadastrais e contábeis>Informações cadastrais>Relação de instituições em funcionamento no país (transferência de arquivos)”. Para informações sobre administradoras sem grupos em andamento, consulte a nossa Central de Atendimento ao Público. Fonte: Banco Central do Brasil.
    Para formar um grupo, é preciso que o número de participantes seja múltiplo do número de meses previsto para a duração do plano, definindo-se assim o número de contemplações.

    Exemplo: em um grupo de 60 meses, com 360 participantes, o número previsto de contemplações mensais, por sorteios e lances, será de seis unidades, sempre de acordo com a disponibilidade financeira do grupo. O Consórcio Nacional Ford tem ainda outro grande benefício para você: por estar presente em todo o território nacional por meio de seus representantes e as concessionárias Ford credenciadas, os grupos são formados rapidamente, agilizando todo o processo de sorteios e contemplações.

    Sorteio ou lance.

    Assim que concluir a compra do consórcio, você receberá o número da sua cota e do seu grupo. Todo mês, por meio da assembleia, são contempladas cotas por meio de sorteio ou lance. Os consorciados interessados poderão, mensalmente, ofertar um adiantamento no pagamento de parcelas e, quem oferecer mais, poderá ser contemplado. Os critérios para oferta, desempate de lances e, consequentemente, seleção do contemplado são definidos em contrato. O número contemplado receberá o crédito, desde que esteja com os pagamentos em dia, pois para poder participar da assembleia, deverá estar em dia com sua mensalidade até a data do vencimento. O pagamento após o vencimento, ainda que antes do dia da assembleia, impossibilita o consorciado de ser contemplado (sorteio ou lance).

    Contemplação é a atribuição ao consorciado do crédito para a aquisição de bem ou serviço. O crédito corresponde ao valor atualizado do bem ou do serviço na data da sua contemplação. No caso do consorciado excluído, o crédito corresponde ao valor a ser pago para a restituição das parcelas pagas, e é considerado crédito parcial.

    A finalidade do consórcio é a aquisição de bens, conjunto de bens, serviços ou conjunto de serviços. No entanto, é possível receber o valor do crédito em espécie, mediante quitação de suas obrigações para com o grupo, caso ainda não tenha utilizado o respectivo crédito decorridos 180 dias da contemplação. Além disso, dentro de sessenta dias, contados da data da realização da última assembleia de contemplação do grupo de consórcio, a administradora deve comunicar aos consorciados que não tenham utilizado os respectivos créditos, por meio de carta com Aviso de Recebimento, telegrama ou correspondência eletrônica, que os valores estão à disposição para recebimento em espécie. Fonte: Banco Central do Brasil.